quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Vamos encerrar o assunto Namoro?


Princípios para um Namoro Cristão III

Como Continuar um Namoro Cristão?


O interesse deve estar voltado para a personalidade da pessoa, a parte imaterial. É importante que isso esteja bem claro na mente dos namorados.
O interesse deve ser estabelecido na parte espiritual da pessoa, não em seu corpo físico, não no dinheiro que o outro tem, não no carro, na casa, na popularidade, na beleza, etc. A parte espiritual é a mais importante sobre todas.

Mais uma vez: quanto mais próximos estiverem de Deus, mais próximos estarão um do outro. O contrário também é verdadeiro: quanto mais longe estiverem de Deus, mais longe ficarão um do outro.


Reconheça que cada cristão é chamado de propriedade particular, pessoal, peculiar de Deus (1Pedro 2.9).
O namorado que não respeita tal fato está desrespeito os princípios de Deus e desrespeitando o próprio Deus, bem como a pessoa, a família dela, a Palavra de Deus e o futuro casamento.


Evitar contato físico exagerado.

Todo namorado gosta de receber um carinho, beijos e abraços. Porém, deve-se parar por aqui. Procure a todo custo evitar continuar os avanços físicos, como tocar em outras partes do corpo da moça, por exemplo. Isso pode provocar desejos sexuais que não pode ser satisfeito devidamente antes do casamento (1Tessalonicenses 4.3-8; 1Coríntios 7).


Existem condições onde a frequência de visitas deve ser limitada. Isso exige paciência por parte de ambos. Algumas vezes a saúde, doença, serviço militar, estudos, trabalhos, deveres pessoais impedem que estejam juntos. Sejam pacientes nessas horas.


Cautela com o modo de vestir, cautela em sua conversa, cautela em seu comportamento e mesmo nos gestos. Lembre-se de semear um ambiente agradável em que vale a pena estarem juntos.


Evitar ficar sozinhos em ambientes fechados e por muito tempo. Procure estar em atividades com outros jovens, ou seja, procure envolver seus amigos em suas atividades.


Qual o Perigo de Acariciar?


Mata a espiritualidade de ambos os namorados.
Pode fazer com que fiquem cegos para os valores verdadeiros, as virtudes de cada um.
Pode fazer com que abaixem os padrões da moralidade.
Pode conduzir para a realização do ato sexual não permitido por Deus antes do casamento.
Pode conduzir para depravação, destituição da dignidade.
Pode conduzir para o desenvolvimento de um desejo de satisfação não natural.
Pode causar frustração e nervosidade.
Pode conduzir para um casamento errado, com a pessoa errada.
Pode conduzir para contrair doenças.
Pode conduzir ao desrespeito mútuo.

Conselhos Práticos


Nunca case com alguém que não seja cristão (2Coríntios 6.14-18; Amós 3.3).
Ore para a escolha de Deus (Salmo 37.5; Provérbios 3.6).
Evite casar sob pressão (Romanos 12.1-2). Não case pensando que sua vida se endireitará depois do casamento. Não case com alguém pelo qual não tenha respeito.
Não case cedo demais ou de repente (Tiago 1.4-5). Procure ver sua relação com Deus, os hábitos da pessoa, os pais, o modo de vida.
Não case tendo uma perspectiva errada do sexo (Gálatas 5.16-25). Alguns casam para desfrutar do sexo, mas casamento não é apenas sexo, muito mais está envolvido.

Casamento é para sempre, ou seja, "até que a morte os separe" (Gênesis 2.24; Romanos 7.1-3; Mateus 19.6).

FIM

2 comentários:

lucélia disse...

olá a paz do senhor td bem?
adorei os artigos publicados a respeito do namoro parabens é sera sempre util pois creio que muitos jovens leem este blog e muitas vezes diante das situaçoes em que vivem surgem duvidas a respeito do namoro o que é certo e errado e como agir diante de tal situação sendo assim ao lerem estes artigos refletem sobre suas escolhas

parabens pela publicaçao

DEUS ABENÇOE VC

Anônimo disse...

É... os verdadeiros valores ali descritos são o Amor e o respeito a todos e a tudo...

Sexo definitivamente não tem nada a ver com espiritualidade, se sexo fosse unicamente direcionado ao casamento, este se limitaria a isso. Sexo é arte, é a própria manifestação natural da vida. A Razão pela qual sexo deve ser praticado com respeito e responsibilidade se resumi as consequencias que esses atos podem gerar. Sexo é Vida, Vida é Deus, Deus é Amor! Pensem nisso!

Lembrem-se que Moises veio antes de Jesus para que " Os duros de coração " tivessem principios de de Justiça

Moises ensinou " Olho por Olho dente por Dente "

Jesus Cristo, muito tempo depois veio e nos ensinou o perdão, evoluimos muito desde então, a principal razão que o sexo era direcionado aos já casados seria a concepção da vida gerada por este.

Atualmente existem milhares de medicamentos e tecnicas médicas para a prevenção. A camisinha é a maior aliada do sexo e seguro veio para acabar com a verdadeira rãzão pela qual sexo ainda é um tabu. A Verdadeira Razão desse velho dilema se resumi a consequência, unicamente a consequência...

Camisinha sempre galera :D

Não devemos distorcer principios, o Amor é a unica regra que efetivamente existe...

Moral Muda...
Etica Muda...

O que nunca muda é o fundamento de tudo isso... AMOR!